Nasceu em 1933 no Pego, localidade onde tem vivido toda a sua vida.

Apenas com nove anos de idade, saiu da escola após ter feito o exame da terceira classe, mas o contacto com as pessoas, num pequeno comércio local, proporcionou-lhe experiências de vida bastante enriquecedoras. A natureza, o amor, a sociedade, a saudade e a terra natal, são temas fortes na sua poesia, onde exprime com sensibilidade e criatividade a sua maneira de estar na vida.

Bibliografia:

QUINTA, Adélia Ruivo da - Segredos da madrugada. Abrantes: Palha de Abrantes, 2001. ISBN 972-98796-0-5

In  Exposição - 100 anos de autores abrantinos

0
0
0
s2sdefault