Imagem

 

A Fundação Maria Dias Ferreira e a Câmara Municipal de Ferreira do Zêzere, editaram a coleção Lendas e Narrativas de Ferreira do Zêzere que conta já com de 12 volumes publicados.


 

 

Tendo as crianças e jovens como público-alvo, a coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere" procura agregar as histórias, lendas e contos mais significativos do concelho de Ferreira do Zêzere, contribuindo, assim, para a divulgação do rico património cultural aqui existente.

 

 


 

 

Picture

"Viva o Rei"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Manuela Canas
Ilustrações: Ana Mira Vaz

Numa das suas viagens para Ferreira do Zêzere, onde se entretém em montarias pelas serranias, o rei D. Carlos decide levar o príncipe Luís Filipe.
Para o pequeno príncipe é todo um mundo novo por descobrir: a estalagem da Aninhas onde ficam hospedados, as pessoas tão diferentes das que costumava estar rodeado em Lisboa, a receção que lhes é preparada pelo povo...
Como será que o povo, que nunca viu um rei, vai ver este monarca?
E que aventuras e descobertas vai fazer Luís Filipe durante a sua passagem por Ferreira do Zêzere?
 


 

 


 

 

Picture

"Um Tesouro de Luz"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Carina Branco
Ilustrações: Cristiana Fernandes

No tempo em que o Zêzere ainda era estreitinho, vivia na Pombeira um homem cego muito pobre, cheio de filhos e sem trabalho. O homem não encontrava forma de ultrapassar os seus problemas. Certa noite, sonhou com um tesouro de moedas de ouro e com uma voz que do longe lhe dizia: “Vai a Santarém que de lá te vem.” O homem encheu-se de fé e meteu-se ao caminho.
O que será que lhe aconteceu em Santarém? Terá sido o sonho o presságio para algo extraordinário?

​Inclui edição em Braille.


 

 


 

 

Imagem

"Ferreira do Zêzere inspira Alfredo Keil"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
​Texto: Ana Godinho
Ilustrações: Élia Ramalho

​Alfredo Keil, figura importante na história de Portugal, revela as suas três grandes paixões e como Ferreira do Zêzere, a sua paisagem e as suas gentes, lhe serviram de inspiração.
A composição do Hino nacional, a escrita de Tojos e Rosmaninhos: Contos da Serra e a pintura de inúmeros quadros… O que têm em comum? E qual a sua ligação ao concelho de Ferreira do Zêzere?
 


 

 


 

 

Picture

"Amigos de São Saturnino"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Francisca Prieto
Ilustrações: Sara Brito

​Era uma vez um rapaz que, sempre que fazia um disparate, só ficava sossegado quando pedia perdão ao Menino Jesus. Quando a asneira era grande, o Rodrigo ficava tão envergonhado que procurava a ajuda de São Saturnino na pequena capela branquinha que fica no alto da serra com o mesmo nome. Foi nesse lugar que fez um novo amigo e que ficou a conhecer um segredo guardado há muitos anos...
Um segredo sobre o desaparecimento da estátua de São Saturnino…
 


 

 


 

 

Picture

"O Segredo da Cabrieira"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"

​Texto: Cátia Salgueiro
Ilustrações: Ana Queimado

A jovem moura Abir sempre viveu confinada às paredes da casa de seu pai, sonhando com longos passeios pelo ar fresco das serras. Um dia, conhece o homem com quem o pai decidira que se deveria casar e começam a namorar cheios de sonhos e esperanças. Até que ele é chamado para a batalha e Abir fica sozinha. Quando chegam notícias do que aconteceu ao seu amado, Abir fica desesperada e corre para a zona da Cabrieira até chegar a um elevado penedo. Aí, tropeça numa pequena pedra e cai do alto do rochedo.
O que acontece a seguir é totalmente inesperado…
 


 

 


 

 

Picture

"O Roubo da Senhora Santa"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: José Afonso Sousa
Ilustrações: Madalena Moniz

A estátua de Nossa Senhora do Pranto, que está na bonita igreja de Dornes, foi encontrada na outra margem do Zêzere, do lado de Cernache do Bonjardim. Os habitantes de Cernache não gostaram que a estátua fosse levada da sua terra e queriam que lhes fosse devolvida. É assim que quatro amigos de Cernache decidem ir roubar a estátua à igreja de Dornes. Para conseguirem ter sucesso, têm de enfrentar várias peripécias.
O que não imaginavam era que uma experiência perturbadora e fascinante os iria levar a pensar de outra forma e a modificá-los para sempre…

 


 

 


 

 

Picture

"O Mistério da Senhora das Areias"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Risoleta C. Pinto Pedro
Ilustrações: Carina Reis

Sophia e o avô Telmo visitam a Igreja de Santa Maria das Areias e ficam a contemplar o templo até se esquecerem do tempo. A pequena Sophia começa a ouvir umas areias muito finas no ar e a dizer que ali é o reino das areias…
A partir daqui, Sophia e o avô Telmo embarcam numa maravilhosa conversa que os leva numa viagem até ao tempo da fundação desta igreja. Sophia descobre, assim, o misterioso fenómeno que aí se deu e a maravilhosa Senhora que o originou…
 


 

 


 

 

Picture

"A Cinta do Seareiro"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Carlos Alberto Silva
Ilustrações: Beatriz Silva

Numa terra à beira Zêzere onde havia sete montes, sete pontes e sete fontes, contam os antigos que aparecia, em tempos, uma assombração.
Em noites de lua cheia eram as ruas da aldeia percorridas por forte turbulência, causando pânico entre as famílias. Seria gato? Ou cão? Ou bode? Ou seria lobisomem, como diziam alguns?
O incrédulo e destemido seareiro Augusto Carrapinho decide tirar a limpo esta história e, à meia-noite de uma noite de lua cheia, dirige-se a uma encruzilhada.
Tem, então, uma experiência de que nunca mais se irá esquecer…  


 

 


 

 

Imagem

"A Torre do Ladrão Gaião"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Margarida Almeida
Ilustrações: Ana Sofia Correia

Escondida no cimo de um monte cercado por um denso matagal existem as ruínas de uma torre, conhecida como Torre do Ladrão Gaião. Nela habitou, em tempos recuados, D. Gaião, um gigante com fama de ter sede de dinheiro e de se divertir a assaltar os viajantes que por ali passavam, roubando-lhes as moedas de ouro e espalhando o medo pelas terras em redor. Até que, como diz o povo, “o mal que fazes aos outros, vai-te, a ti, acontecer” e Gaião teve um destino inesperado: tornou-se vítima do mal que fazia…


 

 


 

 

Imagem

"Guilherme e o achamento da Senhora do Pranto"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Nuno Garcia Lopes
Ilustrações: Márcia Santos

Um choro constante e misterioso ouvia-se vindo da Serra da Vermelha. Guilherme, intrigado, procurava sem cessar, mas não conseguia encontrar a origem do pranto. Socorreu-se da Rainha Santa Isabel que o ajudou a decifrar este enigma, indicando-lhe o lugar onde devia procurar uma imagem da Senhora, que era quem assim chorava. Guilherme assim fez e lançou-se numa dura demanda na serra para encontrá-la. Terá sido bem-sucedido? E como está este estranho caso relacionado com a origem da vila de Dornes, da sua igreja e das peregrinações que ainda lá se fazem? 
 


 

 


 

 

Picture

"A Lenda do Arado de Ouro"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: Ana Oom
Ilustrações: Zé Maria Souto Moura

Num dos mais altos e inclinados montes à beira do rio Zêzere, ergue-se a pequena capela de São Pedro do Castro. O caminho para lá chegar é difícil e cheio de curvas. Uma lenda conta que foram dois irmãos, Pedro e Casta, que a construíram com a ajuda de um arado de ouro com poderes mágicos. Mas, como foi isso possível? Qual o destino dos dois irmãos? E onde está hoje escondido o arado de ouro? 


 

 


 

 

Picture

"A Mulher-Árvore"
Coleção "Lendas & Narrativas de Ferreira do Zêzere"
Texto: José Fanha
Ilustrações: Carla Nazareth

Para os lados da Cabrieira, há um penedo a que chamam Penedo da Bica, sobre o qual se conta que é lugar de mouras encantadas. Assim como uma que apareceu, certo dia, a Genoveva, a mulher-árvore, e lhe fez um assombroso pedido. Genoveva ajudou-a e recebeu em troca uma cafeteira com brasas queimadas. Que estranha recompensa...O que aconteceu a seguir? E porque parece Genoveva uma mulher-árvore?
 

 

In: http://www.fundacaomariadiasferreira.org/por-colecao.html#Lendas e Narrativas de Ferreira do Zêzere

 

 

 

0
0
0
s2sdefault