Nasceu em Abrantes em 1919 e faleceu a 26 de dezembro de 2006.

Os seus estudos limitaram-se à quarta classe. Lançada para a aventura artística da poesia, do culto da arte, da elevação pessoal pelo exercício da palavra, dava resposta a si mesma, à sua necessidade interior, à sua sensibilidade estética, a uma angústia e a uma fantasia que a faziam sonhar com um livro, uma obra, enfim, com o reconhecimento de si como autora popular.

Bibliografia:

ESQUETIM, Helena - O pão nosso. Abrantes : Palha de Abrantes, 1998. ISBN 972-97135-2-9

In  Exposição - 100 anos de autores abrantinos

0
0
0
s2sdefault